Crenças Limitantes Que Estão Te Impedindo De Ter Sucesso E Como Superá-las

  07 de Agosto, 2020 | 1143 Palavras
Imagine por um momento que sua empresa acabou de atingir um faturamento de um milhão de reais. 

Mas algo terrível está começando a acontecer...  você começa a ter pesadelos e começa a receber conselhos da sua família que não te deixam em paz por nem sequer um momento. 

Agora, neste momento, pensamentos negativos sobre dinheiro começam a surgir na sua mente, pensamentos do tipo - os clientes não vão me pagar, eu estou me tornando um rico arrogante - esses pensamentos estão impedindo que você cresça na vida e tenha sucesso. 

Pense nisso: se você acha que não merece ser bem-sucedido financeiramente, não será. 

Se seus clientes acharem que estão sem dinheiro para pagar, se seus funcionários acreditarem que você está fazendo dinheiro de forma errada... seus negócios terão problemas. 

Então, o que você pode fazer para impedir que essas crenças limitantes sobre sucesso e dinheiro afastem você da vida que você merece?

Existem quatro principais crenças limitantes  que podem impedir você de ter sucesso, no artigo de hoje, nós vamos falar cada uma delas.

1. Associações negativas Sobre dinheiro e riqueza

Quando você estava crescendo, quais foram as associações e declarações negativas que você ouviu?

"Dinheiro não compra felicidade." 

"O dinheiro não cresce em árvores." 

"Pessoas ricas são más." 

 Agora eu quero que você me conte... quais foram algumas das declarações positivas que você ouviu? 

"Dinheiro é liberdade." 

"A falta de dinheiro é a raiz de todo mal."

"O dinheiro ajuda você a ajudar os outros." 
Algumas dessas afirmações positivas e negativas são as crenças das mesmas pessoas! 

Eles odeiam os ricos, mas desejam se tornar ricos. 

Em um estudo feito sobre o efeito das crenças limitantes nas pessoas e sobre comportamentos financeiros, os pesquisadores notaram que as pessoas que evitavam o dinheiro de alguma forma tendiam a ter menos condições financeiras e menor patrimônio líquido. 

Eles tendiam a trabalhar durante muitas horas, compravam compulsivamente e não criavam um fluxo de controle financeiro.

Ao mesmo tempo, eles acreditam que ter mais dinheiro poderia resolver seus problemas de não ganhar muito e de cartão de crédito. 

Por isso, tendiam a gastar mais na tentativa de comprar a felicidade. 

Eles achavam que um dia teriam mais dinheiro. A realidade é que eles nunca crescerão nem terão boas condições financeiras.

Agora, se essas pessoas são seus clientes, que implicações isso tem nos seus negócios? E se esse tipo de pensamento o descreve, como isso afetará quanto dinheiro você ganha? 

Uma crença muito famosa por aí é que, se você ama o que faz, e quer ajudar os outros, não deve ganhar dinheiro com isso. 

Para mim é uma tremenda bobagem, eu acredito que você deve fazer aquilo que você gosta e que deve encontrar uma maneira de monetizar isso para ganhar muito dinheiro.

Mas de onde vêm as nossas associações negativas com o dinheiro? 

As nossas crenças são constantemente moldadas pelo nosso dia a dia, pela sociedade, pelos nossos pais, pelas nossas experiências, por nossos amigos, pelo que assistimos e etc.

Mas como mudamos as nossas associações negativas com o dinheiro?

Simples, pergunte-se se você está pensando com os 95% ou como os 5%.

Caso você não saiba, 95% por cento das pessoas vivem em uma vida de pobreza e dificuldades, imersas na corrida dos ratos. Enquanto 5% detêm toda a riqueza e vivem vidas incríveis.

Se você estiver pensando como os 95%, você precisa mudar sua linha de pensamento ou terá os mesmos resultados que eles.

Mude sua linha de pensamento modelando as pessoas ricas.  O que elas fazem? O que elas pensam? Como elas agem?

Aja como eles, e será um deles.

2. A crença de que a riqueza fará com que as pessoas não gostem de você

A sensibilidade ao que as outras pessoas pensam de você é outra crença limitante que pode impedi-lo. 

Essa crença é responsável por fazer você achar que, se for bem-sucedido, as pessoas o criticarão e não gostaram de você sem motivo.  

A verdade é que eles vão te criticar, mesmo que não te conheçam, simplesmente porque eles criam uma percepção errada de quem você é.

Alguns dias atrás, eu fiz um post de conteúdo gratuito no meu Instagram e várias pessoas me criticaram, mesmo sem terem nenhuma ideia de quem eu era ou de onde eu vim. 

O conteúdo era gratuito para qualquer pessoa que quisesse vê-lo, qual o motivo de ir lá e criticar? 

Você precisa entender uma coisa, as pessoas querem te ver bem. Mas nunca melhor que elas. Quando elas veem que você está ficando melhor que elas. Elas começarão a te atacar e tentar te derrubar. É assim que a inveja funciona.

E como superar isso? 

Lembre-se dessa frase para o resto da sua vida: "Árvore que dá bons frutos, leva pedrada. Enquanto árvore que não da nenhum fruto é cortada no machado e atirada no fogo".

As pessoas sempre vão estar insatisfeitas com alguma coisa. Pare de dar ouvidos e foque mais em você mesmo.

3. Medo de que a riqueza afete seu sucesso

Você acredita não ser digno de riqueza. 

Você acha que seria um fracassado se você tivesse sucesso e perdesse tudo. 

Você já ouviu muitas histórias sobre ganhadores de loteria que ficaram ricos da noite para o dia e depois perderam tudo e ficaram endividados.

Você não quer ter um nível mais alto de riqueza, porque ficar onde está é mais confortável e seguro. 

O que há de errado com esse tipo de pensamento?

Simples, a zona de conforto impede que você cresça. Você poderia ser muito maior e ajudar muito mais pessoas e impactar muito mais o mundo.

Se você deseja ser rico e ter sucesso você precisa sair da sua zona de conforto. O crescimento exponencial de nossas vidas e de nossos negócios está na zona de desconforto. 

Quanto mais você está exposto a coisas novas. Mas você está crescendo.

4. Crença de que Deve Continuar Sendo A Mesma Pessoa

Sua falta de vontade de pagar o preço do sucesso financeiro te domina em termos iguais a sua falta de vontade de admitir que a mudança é necessária. 

Você não quer admitir que, para ser uma pessoa rica, você precisa mudar. 

No fundo, você não acredita que precise pagar um preço.

O sucesso tem seu preço e é um preço que você paga antecipadamente. 

Não há parcelamento, nem pagamento "fiado". Quando você atingir seu objetivo, você já terá pago o suficiente. 

Então, o preço do sucesso depende do seu objetivo. As chances são de que o preço tem a mesma ou até uma medida maior que sua meta.

Para usar um exemplo prático, a maioria das pessoas subestima o quanto é necessário para criar uma empresa. 

Geralmente o valor é 2 ou 3 vezes maior do que o esperado. 

Você não pode ser a mesma pessoa se quiser mudar de vida, ser rico e ter sucesso.

Você não pode fazer milhões se não tiver uma mentalidade vencedora e bem decidida.

Se você quer se tornar um milionário e viver o estilo de vida mais caro, você precisa superar as crenças limitantes que podem estar impedindo você.

Você quer saber como os milionários realmente pensam? 

FB Comments Will Be Here (placeholder)

faça agora mesmo a sua aplicação para uma sessão estratégica gratuita comigo

Instituto Cláudio Tourinho de Treinamentos. 
CNPJ: 36.780.236/0001-35

Quem é Cláudio Tourinho?

Cláudio Tourinho é mentor de líderes e empreendedores e profundo pesquisador dos padrões de comportamento humano. Seu trabalho é desenvolvido em torno de um conjunto de princípios, estratégias e técnicas que visam ajudar pessoas comuns a desbloquearem a prosperidade em suas vida e a criarem negócios altamente lucrativos que as permitam vender seus conhecimentos e serviços a valores nunca antes imaginados com a utilização da internet.

Conecte-se com Cláudio: