Como Vencer A Procrastinação - A Solução Mais Simples Para Curar Esse Problema

 24 de Julho, 2020 | 2445 Palavras
Já aconteceu de você tentar executar uma coisa muito importante mas acabar procrastinando?

Já passou pela sua cabeça alguma vez o seguinte pensamento: “Ah, o clima está tão bom, vou aproveitar para curtir um pouco” ou “Nossa o dia está com uma chuvinha tão gostosa, acho que vou deitar um pouquinho e assistir uma série netflix”.

Esse tipo de ação gera uma coisa chamada procrastinação, um câncer maligno na vida de qualquer pessoa que quer ter sucesso e relevância no mundo .

No artigo de hoje, nós vamos nos aprofundar para entender por que procrastinamos e como podemos parar de procrastinar, não apenas temporariamente, mas para sempre..
Existe uma cura para a procrastinação.
 
E eu explicarei como você pode consegui-la usando a analogia da flexão. A analogia da flexão funciona mais ou menos assim…
 
Eu adoro fazer crossfit e exercícios de alta intensidade, e a primeira coisa que ouvimos do instrutor no primeiro dia quando chega a hora das flexões é: “A sua tarefa é fazer uma flexão bem feita, apenas uma.
 
E caso você não consiga fazer uma completa e bem feita, coloque o joelho no chão e faça uma meia flexão.
 
Parece simples né? Mas alguns de nós não conseguem nem entender e nem fazer isso.
Você já se perguntou por que às vezes nós não conseguimos nem concluir uma tarefa simples?

Por que a gente fica se dando desculpas para adiar a execução?

Na maioria das vezes a tarefa em si nem leva tanto tempo, mas de tanto adiar para fazê-la, passam se dias e a gente não faz o que tem que fazer .

De onde vem essa necessidade de ficar jogando as coisas para fazer depois?

Alguns anos atrás eu era um verdadeiro procrastinador, eu simplesmente não fazia nada quando eu tinha que fazer, ficava deixando tudo para depois, e o que acontecia é que as tarefas não paravam de chegar, e como eu não fazia nenhuma, acumulava tudo e depois não saia nada.

Durante anos, eu procurei um meio de vencer a procrastinação, e após centenas de tentativas(foram centenas mesmo) eu consegui.

E depois de alguns meses de estudos para entender o porque eu tinha conseguido, eu descobri que o que faz a gente procrastinar é o que eu chamo de demônios Interiores.

Os demônios interiores são uma série de características e ações destrutivas que nós optamos em ter na nossa vida. 

Se conseguirmos identificar e vencer esses demônios interiores, podemos aumentar nossa produtividade e acabar com a procrastinação de uma vez por todas.

No artigo de hoje, eu vou te mostrar cada um dos demônios interiores que estão te impedindo de ser produtivo. E aí, será que você está preparado?

Então vamos nessa...

O 1º Demônio Interior: Perfeccionismo

Lembra da analogia da flexão? Pois é, o demônio interior do perfeccionismo é aquela vozinha chata pra caramba que antes da gente fazer a flexão, fica dizendo:

“Verifique se o espaço entre as mãos é perfeito e se os dedos estão posicionados corretamente. Certifique-se de descer no ângulo correto. Verifique se seus joelhos dobrados corretamente. Não toque demais o chão, porque você estará trapaeando". 

“Você viu algumas pessoas fazerem uma flexão e não é assim. Você tem que fazer como eles. Além disso, você sabe não devia usar essa roupa para fazer uma flexão. Você deve usar roupas adequadas para garantir a flexão correta.”

Cara, é apenas uma flexão! Relaxa e faz logo o que tem que ser feito. Pare com o discurso perfeccionista.

O discurso perfeccionista é aquele que fica discutindo detalhes em nome de uma suposta precisão ou padrão de qualidade, mas que na verdade não passa de uma desculpa esfarrapada para não fazer as coisas logo.

Quem você acha que vai ter mais resultado no final? Alguém que está obcecado em fazer uma flexão perfeita, ou alguém que faz 10 flexões imperfeitas todos os dias?  

Em 100 dias, quem você acha que estará melhor em termos de crescimento muscular e desempenho?

Leve essa frase para o resto da sua vida vida: “Feito é melhor que perfeito”

É só entendendo isso que você será capaz de vencer o demônio do perfeccionismo que existe em você.

O 2º Demônio Interior: Preguiça

O segundo demônio interior é aquele que simplesmente não gosta de fazer nada. É aquela voz na sua cabeça dizendo:

“Poxa cara, flexões? Isso é muito difícil. Eu nunca fiz uma flexão antes. Não sei se consigo fazer isso. Hum ... acho que posso fazer cinco, mas talvez vou fazer só duas porque eu não quero acordar de manhã com dor nas costas ou nos braços. Ah eu faço isso mais tarde. É muito difícil. 
Assim como o perfeccionismo, a preguiça não vai te deixar fazer o que tem que ser feito.
Não espere realizar muito se você for um preguiçoso que só fica encontrando desculpas para não fazer nada.

Salomão foi muito claro ao dizer: “Não ame o sono, senão você acabará ficando pobre; fique desperto, e terá alimento de sobra”. Provérbios 20:13

Na minha experiência o jeito mais fácil de vencer a preguiça é ir lá e fazer o que tem que ser feito logo.

Eu sempre digo para minha equipe “uma coisa a menos, é uma coisa a menos”. Pode parecer idiota, mas é uma sabedoria universal! Sempre que você faz uma coisa, falta uma coisa a menos para fazer.

O 3º Demônio Interior: Comparação

O terceiro demônio interior é um que eu “carinhosamente” apelidei de comparação, porque ele é aquele que vai chegar bem perto do seu ouvido e dizer:

 “Olha só, você quer fazer a flexão, mas você só consegue fazer 10, seu amigo consegue fazer 20 e sua irmã consegue fazer 30. Você não é tão bom quanto eles, e vai demorar muito para chegar lá. Para que tentar então?".

Você se compara com os outros porque se sente inseguro, e isso o impede de preocupar só consigo mesmo.

Se você se concentrasse em seus próprios objetivos e não se importasse com o que as outras pessoas estão fazendo, você teria muito mais resultados.

Pega essa chave de sabedoria: Você só compete consigo mesmo e você só tem que ser melhor do que você mesmo.

Quando a Apple lançou o iPod, a Microsoft viu uma oportunidade de mercado e lançou um dispositivo chamado Zoom, que fazia basicamente a mesma coisa.

Na época tinha um Consultor que prestava consultoria para a Microsoft e para a Apple. E como a Microsoft sabia disso ela resolveu dar uma alfinetada na Apple e deu para o Consultor gratuitamente um Zoom .

O Consultor ficou admirado e quando chegou na Apple disse: “Galera esse aparelho aqui é muito melhor que o iPod… ele faz várias coisas legais”

Para surpresa dele, ninguém na Apple deu a mínima, pelo contrário eles concordaram que o aparelho da Microsoft era melhor…

E disseram para o Consultor que eles não tinham concorrentes, que o único concorrente deles eram eles mesmos.

O resultado dessa história é, você até antes de ler esse artigo sabia que alguém tinha lançado um tal de Zoom?

O iPod perpetua até hoje na Apple...
 
Apenas se concentre em si mesmo. É assim que você derrotar esse demônio da procrastinação. O que outras pessoas são capazes de fazer não importa.

O 4º Demônio Interior: Ansiedade

O quarto demônio interior se chama ansiedade, você alguma vez já se pegou preocupado, sofrendo por algo que ainda nem sequer tinha acontecido? Esse demônio interior vai ficar falando para você coisas do tipo:

“Eu realmente quero aumentar meus tríceps? Talvez eu queira aumentar meus músculos do peito, mas e se eu fizer errado? e se eu me machucar? E se ficar muito grande? E se minha esposa não gostar que eu estou ficando forte? Isso não vai ser nada bom. Talvez eu não deva fazer a flexão”.

É isso que esse demônio interior diz para você. 

É apenas uma flexão, não saia viajando em coisas que ainda nem aconteceram
Lembre-se de que seu demônio interior da ansiedade não conhece o seu futuro.

Deixe para se preocupar com o futuro à medida que ele for chegando, lide com os problemas à medida que eles surgirem, mas não tente ficar prevendo quais problemas você pode enfrentar, antes que eles comecem a acontecer. 

Só há um momento para se viver. E é o agora. Foque no momento presente. 

O 5º Demônio Interior: Ignorância

"Eu não sei como, por isso não vou fazer." 

Essas são as palavras favoritas do ignorante. Você diz a si mesmo que quer fazer uma flexão e essa voz diz: "Eu não sei como".

Então você diz que não vai conseguir, e desiste. 

E aí na hora de tentar de novo, mais uma vez essa voz diz: “Eu quero, mas eu não sei como". Primeiro, eu preciso assistir  aulas sobre como fazer uma flexão e ler 500 livros e assistir mais 300 vídeos para aprender como fazer a flexão”.

E quando você tenta confrontar e dizer que vai fazer o medo entra em ação e esse demônio interno avisa que se você não aprender a fazer uma flexão corretamente, você não será capaz de ter resultados. 

Mas você não deve ouvir esse demônio interior, porque tudo que ele te disser será apenas para que você procrastine e continue sem resultado nenhum.

O ignorante inventa desculpas do tipo: "Eu não sei como, por isso não consigo."

Esqueça isso, feito é melhor que perfeito.

O 6º Demônio Interior: O Ouvinte

Não importa que tipo de pessoa você seja, todos nós temos aquele amigo que sabe de tudo e que dá palpite em tudo.
 
O sexto demônio interior é a sua parte que dá ouvidos a esses tipos de palpiteiros da vida alheia.

Imagine a seguinte situação: Você está fazendo flexões e do nada chega seu amigo diz:
"Por que você está fazendo flexões?"

Então você diz ao seu amigo que quer ficar mais forte.

Seu amigo diz: “Não, não. Flexões não vão te deixar forte. Você deveria fazer cardio. Li em uma revista que cardio que faz a gente realmente ficar definido e forte. "

Então você pára de fazer flexões, dá ouvidos a ele e começa a fazer cardio e ciclismo, mas depois de algum tempo, você não chega nos seus resultados" 

Então você volta a fazer flexões.

Então, outro amigo diz: “Acabei de descobrir essa pílula na internet, você deveria tomar algumas para perder peso e ficar definido”.

É a síndrome do objeto brilhante. Sempre que surge algo "melhor", você larga tudo e começa do zero. 

"A grama do vizinho é sempre mais verde".

No final, você está pulando tanto de ideia em ideia que não fez única flexão que tinha que fazer para ter o resultado.

Para exterminar esse demônio interior, você deve ter um objetivo claro e definido e não mudar de rota até começar a ter os resultados desejados.

Foque em apenas uma única coisa e faça o que tem que ser feito!

O 7º Demônio Interior: A implicância

O último demônio interior é o mais comum. É a implicância, esse demônio é aquele responsável por dar esse tipo de desculpa: 

"O chão está sujo. Existem alguns germes, bactérias que vou inalar e depois vou morrer. Isso não é bom. E se meus ossos não forem fortes o suficiente? E se eu quebrar minha mão? E se eu machucar meu pulso? Eu não deveria estar fazendo isso.

É o que pensa demais. O exagerado. 

Mas, no dia a dia e nos negócios é mais comum do que parece.

A implicância apresentará as histórias mais ridículas sobre por que você não deve fazer algo, porque tudo que ele quer é que você fique na zona de conforto, então por isso vive inventando histórias.

Não alimente esses demônios da procrastinação. 

A Solução Simples

Sempre que você se pegar fazendo coisas assim, aplique esta solução simples.

Apenas siga a risca a analogia da flexão, você só precisa fazer uma. Não pense, apenas faça. Treine sua mente para se mexer sempre. 

A chave é desligar todos os conflitos internos e toda essa bobagem emocional que te impede de agir. Apenas execute, não pense demais.

Se você se olhar em termos de progresso ou produtividade, eu te garanto que toda vez que você procrastina é um desses demônios interiores atormentando sua vida.

Pense Como Um Esquilo

Existe um livro que eu gosto muito, o nome dele é Overachievement , a ciência de trabalhar menos para realizar mais.

No primeiro capítulo, o autor John Eliot fala que devemos pensar como um esquilo.
Ele afirma que pessoas de alto desempenho - atletas olímpicos, executivos e empresários- pensam como um esquilo.

Mas porque pensar como um esquilo?

Simples, quando estamos executando… a maneira como nossos cérebros funcionam é muito mais parecido com o cérebro de um esquilo do que com o cérebro do Einstein .

Os esquilos aprenderam que devem apenas realizar as tarefas sem questionar suas habilidades.

Eles confiam em suas habilidades, usando a mentalidade de confiança.

O acesso rotineiro à uma mentalidade confiante é o que separa os melhores desempenhos do restante do pacote.

Os esquilos não hesitam como nós. E eles são tão rápidos que não tem tempo suficiente para hesitar. E sem exitação surge a execução.

Não Complique Demais As Coisas

Se minha tarefa é pegar um copo de água da mesa, eu vou pegar um copo de água na mesa.

Mas se eu procrastinar, começo a pensar em comprar um filtro de água, ou como seria bom ter uma pessoas para me trazer a água, etc. 

Quando seus demônios internos estiverem brigando com você, apenas aja.

Ação imperfeita é melhor que ação perfeita.

Esteja mais ciente de qual demônio interno está falando com você e treine-se para parar de ouvir o que eles disserem.

Eles desaparecerão totalmente com o tempo.

Considerações Finais Sobre Como Parar De Procrastinar

Na maioria das vezes, a tarefa em questão não é tão difícil de realizar.

O que nos atrasa são os demônios internos de nossa mente, dando desculpas para não fazer as coisas.

Há pelo menos sete demônios interiores diferentes que nos impedem de fazer as coisas.

Para evitar procrastinar, crie o hábito de agir. Não precisa ser perfeito, você só precisa seguir em frente. Pense como um esquilo e faça o que precisa sem pensar muito nisso.

Se começarmos a integrar certos hábitos em nossas rotinas diárias ou semanais, é menos provável que procrastinemos ou adiemos o que precisamos fazer.

Portanto, para alcançar a grandeza, mantenha a simplicidade e pense como um esquilo.
Qual demônio interno você derrotará? Comente abaixo.

FB Comments Will Be Here (placeholder)

faça agora mesmo a sua aplicação para uma sessão estratégica gratuita comigo

Instituto Cláudio Tourinho de Treinamentos. 
CNPJ: 36.780.236/0001-35

Quem é Cláudio Tourinho?

Cláudio Tourinho é mentor de líderes e empreendedores e profundo pesquisador dos padrões de comportamento humano. Seu trabalho é desenvolvido em torno de um conjunto de princípios, estratégias e técnicas que visam ajudar pessoas comuns a desbloquearem a prosperidade em suas vida e a criarem negócios altamente lucrativos que as permitam vender seus conhecimentos e serviços a valores nunca antes imaginados com a utilização da internet.

Conecte-se com Cláudio:

    Powered By ClickFunnels.com